quarta-feira, 14 de outubro de 2015

EXCELENTE VÍDEO de "AVÉ MARIA", de Franz Schubert, numa interpretação diferente de CHRIS NORMAN

Ellens dritter Gesang (Ellens Gesang III, D839, Op. 52 nº6, 1825), terceira música de Ellen , foi composta por Franz Schubert em 1825, como parte de seu Opus 25, uma configuração de sete canções do poema épico popular de Walter Scott, A Dama do Lago, livremente traduzido do alemão.
Tornou-se uma das obras mais populares de Schubert, sob o título de "Ave Maria", em arranjos com letras diferentes que geralmente diferem do contexto original do poema.
As palavras de abertura e o coro da canção de Ellen, a saber, "Ave Maria" pode levar à idéia de adaptar a melodia de Schubert, como base para o texto completo da tradicional oração católica Ave Maria. A versão latina da Ave Maria possui agora o uso comum com a melodia de Schubert que deu origem ao equívoco de que originalmente ele escreveu a melodia como um arranjo para a Ave Maria.

terça-feira, 6 de outubro de 2015

António Ramos Rosa - Não posso adiar o amor - lindo poema excelentemente dito por José-António Moreira


António Ramos Rosa, nascido em Faro, a 17 de outubro de 1924, falecido em Lisboa, em 23 de setembro de 2013, estudou em Faro, não tendo acabado o ensino secundário por questões de saúde . Em 1958 publica no jornal «A Voz de Loulé» o poema "Os dias, sem matéria". No mesmo ano sai o seu primeiro livro «O Grito Claro», n.º 1 da colecção de poesia «A Palavra», editada em Faro e dirigida pelo seu amigo e também poeta Casimiro de Brito. Ainda nesse ano inicia a publicação da revista «Cadernos do Meio-Dia», que em 1960 encerra a edição por ordem da polícia política.
Foi um dos fundadores da revista de poesia Árvore existente entre 1951 e 1953.  VER MAIS