domingo, 28 de setembro de 2014

16 DAS MAIS MAGNÍFICAS E BELAS ÁRVORES DO MUNDO.


amazing-trees-7
Este enorme rododendro com 125 anos, em Ladysmith, Columbia, Canadá, não é tecnicamente uma árvore, a maioria são considerados arbustos. 




amazing-trees-1-2
Wistéria (glícinia) - lianas pertencente à família Fabaceae - com 144 anos, no Japão.



amazing-trees-1-1
                    Wistéria (glícinia) com  1990 metros quadrados é a maior de seu tipo no Japão.





amazing-trees-18
Estas árvores em Slope Point, no extremo sul da Nova Zelândia, crescem inclinadas  porque são constantemente fustigadas pelo vento antárctico.



amazing-trees-21
                             Bordo japonês(acer pertencente à família aceraceae) em Oregon.







amazing-trees-23
                                  Faia antárctica com musgo suspenso, em Moss, Oregon.





amazing-trees-22
                                    Carvalho anjo na ilha de S, Jorge, Carolina do Sul.






amazing-trees-15
    A árvore brilhante é endémica de Madagáscar, mas cresce nas áreas tropicais de todo o mundo.






amazing-trees-14
Dragonblood do Iémen. A árvore dragão de sangue ganhou o seu nome devido à sua seiva vermelha escarlate, utilizada como um corante, verniz violino, e um remédio popular para vários doenças.






amazing-trees-20
O Presidente - A terceira maior sequóia do mundo, Califórnia.






amazing-trees-2
                                                               Cerejeira fluorescente em Bona, Alemanha.





amazing-trees-4
                                                                               Túnel de bordos em Oregon.





amazing-trees-19-1
                                                       O eucalipto arco íris, de Kauai, Hawai.






amazing-trees-19-2
                                                             Pormenor do eucalipto.






amazing-trees-9
                                                Jacarandas com as suas flores violeta, África do Sul.





amazing-trees-17
                        Avenida de carvalhos plantados em 1790, na herdade Dixie, Carolina do Sul.






amazing-trees-11
                                                           Baobab, árvores de Madagáscar.





amazing-trees-6-1
                                                                      Árvores sebes na Irlanda do Norte.

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Leonard Cohen (que fará 80 anos a 21/9 e lançará nesse dia um novo disco) & Sharon Robinson interpretam "Here It Is"

video
Leonard Norman Cohen, nasceu em Montreal, província de Quebec, Canadá, em 21 de Setembro de 1934, de uma família judia de origem polaca. A sua infância foi marcada pela morte de seu pai quando Cohen tinha apenas 9 anos, facto que seria determinante para o desenvolvimento de uma depressão que o acompanharia durante boa parte da vida.
Aos 17 anos, ingressa na Universidade McGill e forma um trio de música country. Paralelamente, passa a escrever seus primeiros poemas, inspirado por autores como García Lorca.
Consagração literária:
Em 1956, lança seu primeiro livro de poesia, Let Us Compare Mythologies, seguido em 1961 por The Spice Box of Earth, que lhe conferiria fama internacional.
Após o sucesso do livro, Cohen decide viajar pela Europa, e acaba por fixar residência na ilha de Hidra, na Grécia, onde passa a viver junto com Marianne Jensen e seu filho, Axel.
Em 1963 lança The Favorite Game, sua primeira novela, seguida pelo livro de poemas Flowers for Hitler, em 1964, e pela sua segunda novela, Beautiful Losers, em 1966.
Em 2011 foi o vencedor do Prémio Príncipe das Astúrias das Letras.
            Já estabelecido como escritor, Cohen decide tornar-se compositor. Para isso, muda-se para os Estados Unidos, onde conhece a cantora Judy Collins, que grava duas de suas composições ("Suzanne" e "Dress Rehearsal Rag") no seu disco In My Life, de 1966.
No ano seguinte, Cohen participa no Newport Folk Festival, onde chama a atenção do produtor John Hammond, o mesmo que antes havia descoberto, dentre outros, Billie Holiday e Bob Dylan.  Songs of Leonard Cohen, seu primeiro disco, é lançado no final do ano, sendo bem recebido por público e crítica.
O Seguinte, Songs from a Room, seria produzido por Bob Johnston, produtor dos principais trabalhos de Dylan nos anos 60. Embora não tão bem recebido quanto o anterior, contém a canção "Bird on the Wire", que o próprio Cohen disse ser a sua favorita. Em 1971, lança Songs of Love and Hate, um disco mais sombrio que os anteriores. No mesmo ano, o diretor Robert Altman, em seu filme McCabe & Mrs. Miller, utiliza três canções de Cohen: "Sisters of Mercy", "Winter Lady" e "The Stranger Song", todas do primeiro disco do cantor.
Um novo livro de poemas, The Energy of Slaves, é lançado em 1972 e, no ano seguinte, o disco ao vivo Live Songs.
Também em 1973, por ocasião da Guerra do Yom Kipur, Cohen faz uma série de shows gratuitos para soldados israelitas. Baseada no poema "Unetaneh Tokef " da tradição judaica, surgiria a canção "Who by Fire", incluída no álbum New Skin for the Old Ceremony, a ser lançado no ano seguinte.
Livros
1956 - Let Us Compare Mythologies, 1961 - The Spice Box of Earth, 1963 - The Favorite Game, 1964 - Flowers for Hitler, 1966 - Beautiful Losers, 1966 - Parasites of Heaven 1968 - Selected Poems 1972 - The Energy of Slaves, 1978 - Death of a Lady's Man, 1984 - Book of Mercy ,1985 – Credo, 1993 - Stranger Music, 1995 - Dance Me to the End of Love, 2000 - God Is Alive, Magic Is Afoot e 2006 - Book of Longing
Discografia -Álbuns de estúdio:
1967 - Songs of Leonard Cohen, 1969 - Songs from a Room, 1971 - Songs of Love and Hate, 1974 - New Skin for the Old Ceremony, 1977 - Death of a Ladies' Man, 1979 - Recent Songs, 1984 - Various Positions, 1988 - I'm Your Man,1992 - The Future,2001 - Ten New Songs, 2004 - Dear Heather, 2012 - Old Ideas.
Ao vivo:
1973 - Live Songs, 1994 - Cohen Live, 2001 - Field Commander Cohen: Tour of 1979, 2008 - Live in London, 2009 - Live at the Isle of Wight 1970 e 2010 - Songs from the Road.
Coletâneas:
1975 - The Best of Leonard Cohen, 1997 - More Best of Leonard Cohen, 2002 - The Essential Leonard Cohen, 2008 - The Collection  e 2009 - Greatest Hits.

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

"OS PICOS SUÍSSOS", 7 DIAS DE FILMAGEM DE CHRISTIAN MULHAUSER E O RESULTADO SÃO 4 MINUTOS DE BELEZA IMPENSÁVEL.

video
Em busca das estrelas e montanhas, o cineasta suisso, Cristian Mulhsuser, subiu, entre Agosto e Outubro de 2012, três vezes a montanha mais famosa da Suissa, a Matterhorn, para fazer este belo filme de 4,15 minutos.
Ficou a dormir algumas noites a 2.700 metros de altura e com uma temperatura de menos de 12 graus centígrados.
A essa altura, sem contaminação de luz,só céus deslumbrantes. Música é de Roberto Cacciapaglia.

Bob Dylan numas das suas mais belas canções " Hurricane", em 1975 e ao vivo

video
Bob Dylan (nome artístico de Robert Allen Zimmerman; Duluth, 24 de maio de 1941), é um cantor e compositor norte-americano.
Nascido no estado de Minnesota, neto de imigrantes judeus russos, aos dez anos de idade Dylan escreveu seus primeiros poemas e, ainda adolescente, aprendeu piano e guitarra sozinho. Começou cantando em grupos de rock, imitando Little Richard e Buddy Holly, mas quando foi para a Universidade de Minnesota em 1959, voltou-se para a folk music, impressionado com a obra musical do lendário cantor folk Woody Guthrie, a quem foi visitar em Nova York em 1961.


Em 2004, foi eleito pela renomada revista Rolling Stone o 7º maior cantor de todos os tempos e, pela mesma revista, o 2º melhor artista da música de todos os tempos, ficando atrás somente dos Beatles, e uma de suas principais canções, "Like a Rolling Stone", foi escolhida como a melhor de todos os tempos. Influenciou diretamente grandes nomes do rock americano e britânico dos anos de 1960 e 1970. Em 2012, Dylan foi condecorado com a Medalha Presidencial da Liberdade pelo presidente dos Estados Unidos Barack Obama. VER MAIS